“Digam aos meus filhos que os amo”, disse Simone Silva, vítima do ataque terrorista à Catedral de Notre-Dame, em Nice. A mulher, de 44 anos, morava em França há 30 anos e deixou três filhos.

A brasileira Simone Barreto Silva foi esfaqueada por Brahim Aoussaoui mas ainda conseguiu resguardar-se num café das imediações. No entanto, devido à gravidade dos ferimentos, acabou por morrer.

De acordo avança o jornal britânico The Mirror, a mulher deixou uma mensagem aos paramédicos, para que estes dissessem aos filhos. “Diga aos meus filhos que os amo”, terão sido as últimas palavras de Simone.

A identidade da mulher foi confirmada pelo consulado brasileiro em Paris, mas não é conhecido se a vítima era casada ou tinha companheiro. As idades dos filhos ainda não foram reveladas.