“Tive saudades. Mas olhei para as estrelas”, afirmou Cristina Ferreira. Feliz com a chegada do calor, a apresentadora escreveu um texto emotivo sobre as «noite à antiga».

No seu blogue oficial recordou um familiar que lhe era muito querido: o tio Manuel.

«Ontem, estava daquelas noites à antiga. Sem vento, quente, a apetecer estar na rua. Lembro-me de muitas noites assim, em pequena. A nespereira que emoldura a casa da minha mãe servia-nos de companhia. E ali ficávamos, mãe, pai e tios», começou por dizer a apresentadora.

«Ao som das estrelas e das conversas que se alinhavam. Tudo era sossegado. Foram estes momentos que me construíram. E havia lugares fixos», continuou a apresentadora.

«Olhei para as estrelas»

De seguida, falou o tio Manuel com quem se acha muito parecida. 

«O do meu tio Manuel era o degrau maior do fim das escadas. Com a sua boina, mesmo sem sol, que lhe acrescentava ruralidade. Acho que sou muito parecida com ele. Ontem, tive saudades. Mas olhei para as estrelas. E havia uma mais brilhante», findou.

Partilha