Numa entrevista à VIP, a Mãe de Rui Pedro confessou que: “Não gostava de morrer sem saber do seu filho”. Passaram já 21 anos após o desaparecimento de Rui Pedro e Filomena Teixeira não desiste de acreditar que um dia saberá o que verdadeiramente aconteceu ao seu filho.

A mãe Rui Pedro, o menino que desapareceu de Lousada há 21 anos, esteve no lançamento do livro de Manuel Eanes, em Lisboa e foi com emoção que disse não desistir da sua luta diariamente para ter respostas sobre o filho.

Porém, os obstáculos são diversos e para viver o seu dia-a-dia, a mãe de Rui Pedro continua a precisar de ajuda.  

Já no Programa da Cristina em Janeiro, Filomena Teixeira garantiu que é apenas a esperança de saber o que aconteceu e quem sabe, conseguir encontrar o filho, e a outra filha que tem que a faz continuar:

“Viver para saber dele, tenho de saber o que lhe aconteceu, esse é o meu objectivo.. e para a minha filha que é o meu trevo da sorte”.

Filomena afirma ainda que o seu pai, avô de Rui Pedro morreu sem saber o que aconteceu ao seu neto e que não queria que lhe acontecesse o mesmo “Eu não queria morrer sem saber do meu filho!”, refere.

No final da entrevista agradece à apresentadora o facto de esta a ter deixado falar sobre o filho: “Obrigada Cristina por me ter deixado falar um bocadinho sobre o meu filho”.

Partilha