Judite Sousa anunciou saída da TVI depois de oito anos de contrato. A jornalista estava em casa, de baixa médica desde o mês de Setembro.

Para além de ser um dos rostos da informação do canal, a jornalista ocupava ainda o cargo de Diretora-Adjunta de Informação do canal. A comunicadora sublinha que «os últimos anos foram particularmente difíceis» e segundo sabe o nosso site as últimas semanas de baixa médica foram usadas para negociar a saída.
Leia o comunicado na íntegra:

«Depois de uma longa e serena ponderação, decidi terminar a minha relação profissional com a TVI.

Foram oito anos que me permitiram, em total liberdade, vivenciar a paixão pelo jornalismo com sentido de dever e responsabilidade ao serviço de uma empresa privada. Este é o momento para expressar gratidão a todos os meus companheiros de trabalho das diferentes áreas da empresa.

Os últimos anos foram particularmente difíceis, mas em palavras ou na reserva do silêncio, entendi sinais de conforto. Quero expressar o meu agradecimento ao José Alberto Carvalho que me desafiou para esta viagem, com amizade, em 2011.

Quero igualmente agradecer ao Sérgio Figueiredo as oportunidades profissionais que me proporcionou nestes últimos quatro anos e que me ajudaram a ultrapassar momentos mais difíceis da minha existência. Finalmente, uma palavra aos espectadores da TVI cujo carinho e apoio nunca me faltaram»

Judite Sousa iniciou a sua carreira como repórter da RTP no Porto. Foi no canal público que esteve mais de 30 anos até em 2011 se mudou para a TVI.