Guarda-sóis marcam lugar na praia de Armação de Pêra. No decorrer da noite e madrugada, as pessoas colocam os guarda-sóis na areia para não ficarem sem lugar.

Tem existido diversas queixas devido a esta situação junto de que gere as praias. Ao Correio da Manhã, o vereador Maxime Sousa Bispo, da Câmara de Silves afirmou que “pelo lançamento de avisos que vão ser colocados nos acessos ao areal informando os utentes de que objetos que fiquem abandonados no areal – sem a presença dos proprietários – entre as 20h30 e as 09h00 – podem ser removidos pelos serviços de limpeza da autarquia”.

Nesta praia silvense, o hábito é deixar o chapéu-de-sol e a toalha às seis da manhã, voltar para casa e, eventualmente, aproveitar o dia no areal, enfurecendo quem, entretanto, procura (sem sucesso) um bom lugar ao sol.

Esta é uma situação que se arrasta há muitos anos sem nunca serem tomadas medidas para prevenir a situação, apelidada pelos visitantes, nas redes sociais, de “praia fantasma”.