Emmit Walker, um executivo de música norte-americano, respondeu a uma situação de discriminação racial quando estava no aeroporto da cidade de Arlington, em Virgínia, Estados Unidos. Emmit descreveu o episódio no seu perfil do Facebook.

Segundo o executivo, uma passageira que estava atrás dele na fila preferencial de embarque duvidou que ele fosse viajar de primeira classe, e recomendou que ele desse lugar a ela e aos outros passageiros para que pudessem embarcar. Emmit mostrou o seu bilhete 1ª classe à mulher, mas, ainda assim, ela continuou a duvidar dele.

Ele deve ser militar ou algo assim, mas nós pagamos pelos nossos lugares, então ele devia esperar.” Ao que ele respondeu: “Não, sou muito grande para estar no exército. Sou apenas um negro com dinheiro”.

Também vais gostar destes:
Quando alguém disser “Eu odeio-te”, ela na verdade estará a dizer “Magoaste-me”.
Se não te identificas como “extrovertido” ou “introvertido”, é bem provável que sejas “ambivertido”!

Segundo Emmit, as pessoas na fila começaram a aplaudi-lo.

FONTEEmmit Eclass Walker
Partilha
Loading...